iG

Publicidade

Publicidade
29/01/2009 - 10:25

Inchaço e problemas hormonais

Compartilhe: Twitter

Olá, pessoal!

Todo mundo já entrou em meu site e viu o novo programa de treinamento online personalizado e com meu acompanhamento? Quem ainda não conhece, demorou! Baseado em informações sobre seu estilo de vida, planejarei uma rotina de exercícios e um programa de alimentação perfeitamente adaptado ao seu dia-a-dia. Corre lá, é só clicar aqui ou seguir o link nos Favoritos aqui na lateral do blog!

E, como eu havia dito para vocês, vou aproveitar o recente final da novela A favorita e escrever sobre o corpo da Claudia Raia. Eu treinei a Claudia durante um curto período (três meses) há mais ou menos 15 anos. Naquela época fiquei muito impressionado com sua dedicação, ela estava em grande forma (não foi obra minha, ela já veio do Rio de Janeiro em forma) e fazendo um espetáculo onde dançava sem parar.

Depois a vi algumas vezes em revistas e na TV, claro, e quase sempre em boa forma. Mesmo ela não sendo uma magrinha clássica, dificilmente a via fora de forma, por conta de seu empenho e preocupação com o corpo.

Qual não foi minha surpresa quando percebi que ela estava com um corpo muito diferente na última novela. Não começou tão mal, mas foi piorando semana a semana, até estar quase deformado no último capítulo. Aquela cena de camisola denunciava um inchaço irreconhecível, notava-se até uma barriga pronunciada e fora do padrão que ela sempre nos apresentou.

Achei estranho, mas todos nós podemos passar momentos mais estressantes onde nos dedicamos menos. Fui pesquisar e descobri que ela provavelmente teve um distúrbio na tireóide. Esse tipo de problema causa ou aumento de peso sem explicação e retenção exagerada de água, ou o contrário, a perda exagerada de peso. No caso dela é óbvio o aumento. Isso acabou gerando diversos boatos, especulações, capas de revistas, notas em sites e tudo sobre uma possível gravidez. Mas vamos tentar evitar o fora clássico de perguntar “nossa, você está grávida?” e ouvir um “não, estou gorda” como resposta.

Escrevo isso para explica que algumas vezes, mesmo fazendo tudo certo (treino e alimentação), o resultado fica muito aquém do esperado. Existem as limitações genéticas, mas vou listar abaixo algumas características, as possíveis relações com hormônios e as alterações que podem causar:

* Acúmulo de gordura na região superior, pescoço, braços e abdômen: indício de disfunção na tireóide;

* Acúmulo de gordura na cintura e laterais do abdômen (pneu): indício de problemas com a metabolização do açúcar e produção e utilização da insulina;

* Acúmulo de gordura nos membros inferiores, coxas e quadris: indício de problemas com hormônios esteróides, como o estrógeno;

Não vou me alongar muito em detalhes técnicos, já que o objetivo aqui é relatar e avisar vocês sobre os desequilíbrios hormonais. Se existir a desconfiança de que você é vitima de algum desses problemas, procure um médico e faça exames para ter certeza. Só dá para desconfiar desses problemas se estiver fazendo tudo certo e seu corpo teimar em não colaborar. Isso aqui é um alerta, não uma mágica.

Mas, por favor, não vale se entupir de bobagem e fazer ginástica com preguiça e colocar a culpa nos hormônios.

Bjo

Autor: - Categoria(s): Corpo/Saúde, Famosos Tags: , , , , , , , , ,

Ver todas as notas

209 comentários para “Inchaço e problemas hormonais”

  1. Plumbers disse:

    I really liked your post. Keep writing.

  2. A round of applause for your post. Awesome.

  3. Wow, great blog.Much thanks again. Really Great.

  4. Major thankies for the blog post.Thanks Again. Will read on…

  5. Proofreader disse:

    Thanks a lot for the blog post.Really thank you! Much obliged.

  6. SEO Suffolk disse:

    I appreciate you sharing this blog. Keep writing.

  7. I really liked your blog.Much thanks again. Cool.

  8. e cig disse:

    There is definately a great deal to learn about this topic. I really like all the points you made.

  9. I truly appreciate this blog.Really looking forward to read more. Really Great.

Deixe um comentário:

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

Os campos com * são de preenchimento obrigatório







Voltar ao topo